5 dicas de fotos com GoPro em viagem

Continuando a compartilhar as dicas de fotos com a GoPro (veja aqui a parte 1), vou falar 5 dicas de como fazer suas fotos durante a viagem.

1) Cenário

O cenário é muito importante, obviamente. Um lugar bonito e/ou exótico deixará sua foto muito mais interessante. Mas, particularmente, eu acho igualmente importante a sua inserção no cenário. Tem que haver um equilíbrio entre o(s) personagem(ns) e o cenário: se somente o cenário aparecer, você pode muito bem pegar uma foto qualquer na internet; ao passo que se você cobrir a maior parte da imagem, seria como se tirasse uma selfie dentro de casa.

Valorize a paisagem!

A vantagem da lente grande angular da GoPro é que ela consegue englobar grande parte da paisagem e o viajante ao mesmo tempo, mesmo que a foto seja tirada a uma curta distância.

Lembre-se: não há nada de errado em tirar selfies ou fotos somente de paisagens. Eu apenas acho que mostrar o viajante e a paisagem deixa a foto mais interessante.

2) Ângulo de visão

Primeiramente, precisamos entender o ângulo de captura da lente da GoPro.

Os ângulos variam de acordo com o modo escolhido:

Wide: o mais abrangente, possui ângulo horizontal de 122,6° e vertical de 94,4°;

Medium: intermediário, possui ângulo horizontal de 94,4° e vertical de 72,2º;

Narrow: o mais estreito, possui ângulo horizontal de 64,6º e vertical de 49,1°.

Eu deixo a minha sempre no modo Wide, porque quero capturar o máximo possível do cenário em volta. Mas lembre-se que este modo é o que mais causa distorção na foto.

Sabendo desses ângulos, com alguma prática você vai começar ater uma boa ideia do que a câmera está capturando sem necessidade de olhar no visor ou no celular.

FOV
Ângulo da GoPro 5 (horizontal e vertical)

3) Luz

Já mencionei que a GoPro funciona melhor com bastante luz (mesmo que a 5 já tenha um modo noturno), não é mesmo? Então, aqui vão algumas dicas que considero importantes:

  • Quando quiser bastante nitidez, tire as fotos com a luz a seu favor, tomando sempre cuidado para que a sombra do acessório (por exemplo, o selfie pole) não comprometa sua foto;

  • Quando tirar fotos a favor da luz, algumas caretas podem ser inevitáveis. Utilizar óculos de sol ajuda;
  • Se quiser valorizar a silhueta, explore as fotos contra a luz. Principalmente no pôr do sol as imagens ficam fantásticas;

  • Quando tirar fotos aquáticas, prefira dias bem ensolarados e com o sol a pino (nos horários próximos ao meio dia). Assim a transparência da água será maior e sua cor será mais valorizada;

4) Paciência e persistência

Sabe aquela foto maravilhosa naquele monumento que vive lotado? É possível! Basta que você tenha paciência. Normalmente, quanto mais cedo, mais vazio. Particularmente, eu já acordei 04:30 da manhã para tirar uma foto legal em Amsterdã.

G0213629.jpg

Se não for possível chegar tão cedo, tente achar um ângulo que esconda os outros turistas, ou esconda-os com o seu corpo. Ligue sua câmera no time-lapse 0.5 segundos e vá tirando fotos, movimentado-se e girando a câmera (evitando movimentos muito bruscos, como falarei a seguir). Não vá pensando que uma boa foto é fácil de fazer: às vezes tiro 300 fotos pra que uma ou duas fiquem muito boas.

Dicas gerais

  • Movimentos bruscos ou trepidações podem borrar a foto. A menos que isso seja o que você deseja, procure estabilizar ao máximo a sua câmera;
  • Mantenha sempre a lente da câmera limpa, pois qualquer embaçamento pode comprometer suas fotos, principalmente com a luz contrária. Para isso existem antiembaçantes, umas pastilhas que podem ser colocadas dentro da case da GoPro.
  • Gotas de água em frente à lente podem estragar suas fotos! Eu costumo usar um cristalizador (o mesmo que usam em para-brisas de automóveis, e são encontrados em qualquer mercado) de vidros na lente, pois ele repele água. Caso não tenha ou não seja possível aplicar, saliva também ajuda (você pode achar nojento, mas muita gente usa essa tática rsrs);
  • Fotos 50/50 ou “over/under” normalmente são tiradas com utilização de “domes”, que são cúpulas de acrílico que servem para afastas a água da lente, tornando a tarefa bem mais fácil. Dá pra tirar sem eles, mas é quase impossível. E não se engane: fotos com dome são difíceis de fazer e exigem muita prática e paciência. Em breve farei um post exclusivo sobre seu uso.

5) Surpreenda!

Tente captar as coisas de um modo diferente. Seja criativo! Coisas simples e situações corriqueiras podem ser mostradas de uma forma interessante, uma forma que só a fotografia consegue captar. Use sua criatividade!

A Day do @seguindo_viagem e também fez um post com dicas muito legais de fotos. Dá uma conferida no blog Seguindo Viagem.

Veja também o post sobre edição de fotos.

E você? Tem alguma dica? Tem alguma dúvida? Compartilhe com a gente nos comentários.

Anúncios

3 comentários Adicione o seu

  1. Muito bom o post. Tenho uma dica, tirar foto com a GoPro enquanto afunda ela na água virada pra você, tirando no modo bust. Da um efeito bem bacana tb. Precisa de persistência.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Calebe Sangi disse:

      Excelente dica, Claudinei! Da um efeito bem legal mesmo! Já fiz uma dessas e realmente precisa de persistência!! Mas vale a pena né?

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s